fbpx

Skip links

Reduza os custos beneficiando-se da Lei do Salão e Profissional Parceiro

Muito se fala em como a nova legislação pode impactar as empresas.

Você, afinal? Já está antenado nas novidades?

Preparamos um eBook para que você tenha as respostas que precisa, afinal, não são todos que poderão aplicar isso em sua empresa.

Baixe Gratuitamente agora mesmo esse eBook!

Vale a pena conferir 😉

Em nosso blog, você pode encontrar mais conteúdo referente à Lei do Salão e Profissional Parceiro, incluindo um modelo de contrato.

A lei do Salão Parceiro e do Profissional Parceiro existe para regulamentar uma prática bem conhecida no Brasil: a atuação de profissionais que trabalham como autônomos dentro dos salões de beleza e que recebem parte do faturamento do serviço prestado.

A mudança é um reconhecimento do modelo de empreendedorismo já amplamente utilizado nos salões de beleza e outros serviços afins e um incentivo à regularização e à formalização.

Pela nova lei, os salões de beleza poderão firmar contratos de parceria com profissionais cabeleireiros, barbeiros, esteticistas, manicures, depiladores e maquiadores, que atuarão como autônomos, sem vínculo empregatício. Os demais empregados dos salões de beleza que atuam em áreas de apoio como recepção, gestão e serviços gerais continuam com contratos regidos pela CLT. O texto de lei aprovado pelo Congresso cria as figuras do salão-parceiro e do profissional-parceiro, que poderão atuar como microempresa ou microempreendedor individual (MEI).

 

%d blogueiros gostam disto: