fbpx

Dicas para crescer durante a crise (com salão e barbearia)

Dicas para crescer durante a crise (com salão e barbearia)

Os salões de beleza e barbearias que querem crescer durante a crise financeiras que o país enfrenta têm princípios que podem ser seguidos. Saiba quais são.

A vida pode ser preenchida com crises, grandes e pequenas. Sem respeito pelas fronteiras da vida profissional, as crises surgem inconvenientemente em todos os setores do país. Além disso, uma crise tem um jeito de aparecer no pior momento possível.

Embora nunca possamos estar realmente preparados para esse terrível evento que acaba com a saúde financeira dos negócios em geral, podemos fazer o melhor possível para antecipar as categorias de crises que surgem e ter um plano emergencial de ação para responder.

Os salões de beleza e barbearias, em especial, que superam as inevitáveis ​​crises financeiras que o país enfrenta, têm primeiramente princípios básicos em vigor: base forte com conselheiros confiáveis e flexibilidade para conseguir lidar com as circunstâncias imprevistas.

Fortaleça seus negócios em uma recessão econômica

Quanto mais forte for a base do seu estabelecimento, menor a probabilidade de ser afetado por riscos – se ocorrerem – ou eventos imprevistos. Fortalecer seu salão não envolve apenas a gestão financeira. Também inclui estratégias para reter e ampliar a sua clientela, comercializar seus negócios de maneira acessível, manter a moral elevada entre sua equipe e melhorar as práticas comerciais. Você também deve procurar oportunidades para fazer contatos e formar alianças. Isso certamente ajudará a minimizar sua exposição a riscos.

Com vista nessas condições, preparamos dicas valiosas para o seu salão ou barbearia crescer mesmo durante a crise.

1 – Concentre-se em reter clientes para crescer durante a crise

Quando as finanças são incertas, os consumidores cortam muitos dos seus gastos. Faça tudo que puder para manter seus clientes entrando em suas portas. Programas de fidelidade, pequenos descontos e comunicação regular são apenas três maneiras de deixá-los saberem que você os valoriza.

Sempre foque em tornar a clientela prioridade. O bom atendimento é sobre fornecer o que eles querem, quando eles querem. Se o seu salão oferece um serviço bom e que tenha algum diferencial e vantagem, é provável que você retenha seus clientes existentes. Isso também significa que você tem uma chance maior de manter e aumentar sua base e consequentemente seus lucros, com chances reais de crescer mesmo durante a crise.

Tornar os clientes a prioridade em uma desaceleração econômica também pode envolver:

  • Executar programas de incentivo à fidelidade do cliente;
  • Adaptar seus negócios para melhor atender aos requisitos básicos de seus clientes;
  • Diversificar seu negócio para minimizar possíveis danos causados ​​pela perda de um cliente significativo.

Durante uma crise financeira, é particularmente importante encontrar maneiras de reter seus clientes existentes, fornecendo acima de tudo um bom serviço pós-venda.

Além disso, ofertar um excelente serviço, faz com que sua clientela aprecie o valor dado ao dinheiro que eles estão investindo no seu estabelecimento, especialmente quando os tempos estão difíceis. Serviço eficiente, rápido, condições de pagamento flexíveis e assim por diante, podem persuadir a clientela a gastar no seu salão, em vez de irem ao concorrente.

Concentre-se também em serviços e produtos que vendem. Não se esforce para tentar vender coisas sem qualidade, sem testes rigorosos ou que poucas pessoas comprarão, por exemplo. Fique com favoritos lucrativos. Não se sinta tentado a reduzir os preços – se a demanda por sua oferta não for sensível a preço, você estará destruindo seus lucros.

2 – Cuide do seu fluxo de caixa

Emitir faturas prontamente e cobrar os devedores é uma boa pedida. Não compre mais estoque do que o necessário. Negocie prazos de crédito mais longos com fornecedores e mais curtos para os clientes. Além disso, evite pedir emprestado. 

Tenha em mente que os empréstimos podem ser mais difíceis de obter e mais caros em uma recessão. 

As alternativas incluem o financiamento por fatura, que libera até 85% do caixa vinculado a faturas não pagas. Melhor ainda, economize dinheiro cortando custos.

E para reduzir os custos, procure economizar em todas as partes do seu salão de beleza ou barbearia. Você desliga todos os equipamentos quando termina o expediente? Você está aproveitando ao máximo seus benefícios fiscais?

Outra forma de reduzir custos a um prazo longo e aumentar os lucros consideravelmente é com a venda online. Uma mídia de marketing ou vendas pela internet irá expô-lo a um mercado maior por um custo mínimo. 

Certifique-se de planejar e disponibilizar recursos online para vender corretamente, incluindo o fornecimento de segurança de pagamento, atraindo visitantes e atendendo a pedidos com rapidez.

gerencie seu negócio onde estiver. agendamentos, financeiro, comissões, wesite

3 – Estratégias de networking e marketing para o seu salão ou barbearia

Para superar a crise, revisar suas estratégias de marketing pode contribuir para criar novas ideias para aumentar as vendas e encontrar maneiras melhores de usar seus reais em investimento. Você precisa se concentrar em comunicar sua vantagem competitiva.

Sua proposta única de venda também deve auxiliar a se destacar da multidão. Paralelamente, é importante desenvolver estratégias para medir a eficácia do seu marketing.

Essas estratégias podem ser um exercício caro. Durante uma recessão econômica elas também podem ser importantes para explorar as ferramentas gratuitas disponíveis para você. Incluindo as redes sociais e a propaganda entre o boca a boca.

Já o networking durante uma crise econômica é útil para entender como outras empresas estão lidando, por exemplo. Você também descobre novas oportunidades, clientes, funcionários, fornecedores, além de parceiros para negócios com custo mínimo para o seu salão de beleza ou barbearia.

Considere formar alianças com outros negócios, por exemplo, oferecendo serviços e descontos complementares. Sendo assim, desenvolva práticas inovadoras que podem ajudá-lo a adaptar-se às mudanças nas condições do mercado. Além daquelas para ficar à frente de seus concorrentes. 

Como parte desse processo, você deve analisar se o uso da tecnologia aumentará a eficiência. Dessa maneira, reduzirá os custos ou tornará sua empresa mais competitiva, por exemplo, instalando um sistema de gerenciamento de clientes, como o que a Belasis oferece, ou fazendo negócios online.

4 – Gerenciando pessoal

Certifique-se de ter um RH atualizado e eficiente. Use esse plano para detalhar os custos com pessoal, isso por sua vez, permitirá que você preceda com precisão sua oferta de serviços.

Construa o moral e a motivação comunicando claramente com sua equipe o que está acontecendo dentro do salão. Tente envolvê-los, por exemplo, nas decisões e no encontro de soluções para os problemas.

Durante uma recessão econômica, você pode precisar alterar seus planos de pessoal. Se as horas precisarem ser reduzidas, procure encontrar soluções flexíveis. Por exemplo, peça a alguns de seus funcionários em tempo integral para trabalhar uma semana de 4 dias ou usar acordos de compartilhamento de trabalho. 

Você também pode considerar treinar seus funcionários para realizar mais tarefas. Você pode realizar uma avaliação de habilidades da equipe para identificar o treinamento que sua equipe pode precisar.

Com essas 4 dicas de ouro, pode ter a certeza de que seu salão de beleza ou barbearia poderão enfrentar a crise sem prejuízos e, pelo contrário, conseguirá crescer durante a recessão.

Veja ainda alguns links úteis para auxiliar na gestão do seu salão de beleza durante a crise

Visite nossa página de Materiais Grátis clicando aqui

Planilha grátis para controle e cadastro de clientes

Planilha para controle e gestão de fluxo de caixa no salão de beleza

Publicações relacionadas: gestão de salão de beleza e barbearia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *